Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro torna-se importante palco de competições de atletismo e natação

Por Giovanna Querido

Nadadores competem no Open Internacional Loterias Caixa de Atletismo e Natação (Imagem: Querido)

Nadadores competem no Open Internacional Loterias Caixa de Atletismo e Natação (Imagem: Querido)

O Complexo  Paralímpico na Rodovia Imigrantes pode ser considerado um dos maiores legados das Olimpíadas que aconteceram no Rio de Janeiro em 2016. Com 95 mil metros quadrados de área construída, o espaço tem como objetivo fomentar o paradesporto no país, já que conta com estrutura para treinamento e competição de 15 das 22 modalidades paralímpicas.

O CT, embora ainda não esteja completamente pronto, foi palco do Open Internacional Loterias Caixa de Atletismo e Natação, disputado entre os dias 21 e 23 de abril. O campeonato reuniu 316 atletas de oito países (Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Peru, México e Gana), dentre os quais participaram 34 medalhistas paralímpicos brasileiros.

Como 2017 é o ano do Mundial para o Atletismo e a Natação, o campeonato serviu como etapa de classificação. Cerca de 27 atletas brasileiros (14 do atletismo e 13 da natação) classificaram-se para os Mundiais Paralímpicos. Enquanto a competição de atletismo terá como sede Londres, na Inglaterra, em julho, os nadadores irão em setembro à Cidade do México para medir forças com os principais atletas do mundo.

Além da conquista de índices para os Mundiais, vários atletas quebraram recordes mundiais, como o paulista Alessandro Rodrigo no lançamento de disco F11 (para cegos totais). O atual campeão paralímpico da prova registrou o lançamento de 44,66m e derrubou uma marca que perdurava desde 1998, do espanhol Alfonso Lopes-Fidalgo (44,44m). Alessandro ficou cego após a manifestação de uma toxoplasmose, em 2009.

Atleta se prepara para o lançamento (Imagem: Querido)

Atleta brasileiro durante a disputa do arremesso de peso (Imagem: Querido)

Confira mais imagens da competição:

Dono de 24 medalhas paralímpicas, Daniel Dias faz estreia na temporada (Imagem: Querido)

Dono de 24 medalhas paralímpicas, Daniel Dias faz estreia na temporada (Imagem: Querido)

Segundos antes do lançamento (Imagem: Querido)

Segundos antes do lançamento (Imagem: Querido)

Movimentos precisos no salto em distância (Imagem: Querido)

Todo o esforço do esportista no salto em distância (Imagem: Querido)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *